AQUECIMENTO

Final explicado de The Walking Dead: tudo sobre Rick e Michonne

Despedida do drama zumbi preparou terreno para a minissérie que vem por aí
DIVULGAÇÃO/AMC
Andrew Lincoln e Danai Gurira no último episódio de The Walking Dead
Andrew Lincoln e Danai Gurira no último episódio de The Walking Dead

Nos minutos finais do último episódio de The Walking Dead, lançado no domingo (20), dois personagens queridos do público tiveram um retorno breve, mas bem importante. A série não poderia se despedir sem dar uma amostra de Rick Grimes (Andrew Lincoln) e Michonne (Danai Gurira), dupla protagonista de uma futura minissérie dentro da franquia zumbi. As cenas curtas deram dicas sobre o paradeiro deles.

Lembremos a derradeira vez em que vimos os dois: Rick foi capturado por Jadis (Pollyanna McIntosh) lá na nona temporada, levado em um helicóptero; Michonne deixou o grupo de sobreviventes na leva passada, a décima, partindo em uma missão aventureira para encontrar o marido.

[Atenção: spoilers a seguir]
Rick e Michonne aparecem sentados ao redor de uma fogueira, em localizações diferentes, escrevendo cartas em um diário durante as cenas finais de The Walking Dead (o diário é o mesmo, como o episódio revelou). Logo, as cenas com Rick são anteriores às de Michonne na linha do tempo da narrativa.

Rick aparece descalço, usando jeans e uma jaqueta com um símbolo (três círculos sobrepostos). Esse é o logo da Civic Republic, organização fortificada na área da cidade da Filadélfia. A história da Civic Republic foi contada em The Walking Dead: World Beyond. Pelo visto, Rick está em fuga, porém se rende ao ver um helicóptero se aproximar.

Antes disso, ele conseguiu jogar em um barco a mochila que tinha o tal diário e um aparelho celular. É a mesma mochila que Michonne acha e usa como pista para encontrar o xerife.

Vestindo uma armadura estilo samurai bem estilosa, a guerreira do apocalipse zumbi tem um cavalo como aliado e parte destemida em direção a um horda de zumbis gigantesca. Na minissérie, vai ser mostrado como ela se deparou com a armadura e com o cavalo.

Bastidores e curiosidades 

Todas as cenas com Rick e Michonne foram gravadas em dois dias. A ideia de inseri-las no último episódio de The Walking Dead veio de Angela Kang, a showrunner. Serviu de preparação para a minissérie, atualizando o público sobre como estão os personagens e dando dicas do que vem pela frente.

Houve um trabalho em conjunto. Foi decidido que as aparições de Rick e Michonne seriam no final do episódio mesmo, sem ofuscar a narrativa principal. E foi Scott Gimple quem escreveu as cenas dos dois, ele que será o showrunner da minissérie sobre o casal. O tema central foi mostrar como Rick e Michonne, de alguma forma, estão emocionalmente conectados.

A frase “somos nós que vivemos”, várias vezes repetida nessas cenas derradeiras, foi dita pela primeira vez por Rick lá na quinta temporada. Ele falou a mesma frase em outras oportunidades, inclusive para Michonne. O objetivo foi passar uma mensagem de triunfo nesse resgate da fala.

Sobre a localidade de Rick, fãs de The Walking Dead já decifraram graças às imagens promocionais do que seria o filme sobre o xerife (a produção virou a minissérie com Michonne).

No final de The Walking Dead, Rick aparece de frente a um rio, com prédios de uma cidade ao fundo, enquanto o helicóptero vem pegá-lo. A cidade é Filadélfia, onde a Civic Republic está situada.

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!