OLHAR VERDE E AMARELO

Conheça Gandja Monteiro, diretora brasileira-americana de Wandinha

Vem aí mais dois grandes projetos: The Witcher e spin-off de The Walking Dead
DIVULGAÇÃO/NETFLIX
Gandja Monteiro na première oficial de Wandinha
Gandja Monteiro na première oficial de Wandinha

Por trás das câmeras da série Wandinha tem uma pitada de sangue brasileiro, você sabia? Os episódios cinco e seis foram comandados por Gandja Monteiro, diretora que nasceu em Nova York, mas é filha de brasileiros. Na série protagonizada pela irresistível Jenna Ortega, Gandja entregou outro ótimo trabalho, se firmando cada vez mais em Hollywood, especificamente no mundo das séries.

Gandja Monteiro é uma cidadã do mundo, status que usufrui desde pequena, indo de lá para cá por causa dos pais, que são mineiros. Por capricho do destino, ela nasceu em Nova York (tem uma irmã londrina, para se ter uma ideia). Porém, toda a infância foi vivida no Brasil, entre as cidades de Belo Horizonte e Rio de Janeiro, até uns dez anos de idade.

Depois disso, a residência oficial foi Nova York, sem nunca deixar de visitar o Brasil pelo menos uma vez por ano. Atraída pelo universo da arte, Gandja foi logo se apaixonando pela engrenagem das produções de filmes, comerciais, séries e afins. E resolveu se dedicar a essa área.

Ela tem graduação na Tisch School of the Arts da Universidade de Nova York (NYU), uma das escolas de artes cênicas e cinematográficas mais prestigiadas nos Estados Unidos. A carreira na direção começou na publicidade, dirigindo propagandas de marcas famosas como Nike, Adidas e Coca-Cola.

Com trabalhos gravados em mais de 12 países, quatro continentes e oito idiomas, Gandja Monteiro tem também no currículo produções autorais, mais artísticas do que comerciais. Ela, por exemplo, tem jeito para dirigir videoclipes, como fez com os rappers brasileiros Marcelo D2 e Emicida, além do americano Pusha T.

Gandja Monteiro nos bastidores de The Walking Dead: Dead City
Gandja Monteiro nos bastidores de The Walking Dead: Dead City

Gandja Monteiro na TV

O primeiro grande projeto da diretora na TV americana foi Vida, elogiado drama disponível no Lionsgate+, sobre o relacionamento de duas irmãs. Ao longo de três temporadas, a série prezou por colocar mulheres na direção. Gandja dirigiu dois capítulos da segunda leva de episódios, em 2019.

No ano seguinte, ela passou por No Escuro (In the Dark, Globoplay). Em 2021 veio o trabalho de maior responsa até então, sendo produtora e diretora de The Chi na quarta temporada. Foram quatro episódios dirigidos pela brasileira-americana, incluindo o season finale (final de temporada).

Wandinha é um ponto de virada mirando lugares altos, ainda mais por bater cartão em um projeto que teve quatro episódios assinados pelo renomado cineasta Tim Burton. Gandja engatou dois importantes trabalhos na sequência.

Ela dirigiu dois episódios da próxima (terceira) temporada de The Witcher (Netflix), protagonizada por Henry Cavill. E fez os dois últimos episódios de The Walking Dead: Dead City, série derivada da franquia zumbi liderada por Lauren Cohan e Jeffrey Dean Morgan. Essas duas atrações devem ser lançadas no ano que vem.

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!