O MUNDO GIRA

Astros da série 1923 formaram casal romântico em filme de 37 anos atrás

Harrison Ford e Helen Mirren lideram o spin-off de Yellowstone
DIVULGAÇÃO/WARNER BROS.
Harrison Ford com Helen Mirren no filme A Costa do Mosquito
Harrison Ford com Helen Mirren no filme A Costa do Mosquito

Astros de 1923, spin-off de Yellowstone, Harrison Ford e Helen Mirren voltaram a viver marido e mulher em uma produção de Hollywood 37 anos depois de protagonizarem o filme A Costa do Mosquito (1986). A coincidência não passa despercebida. Por onde quer que vão, os dois respondem perguntas sobre essa reunião marcante de verdadeiros ícones da atuação.

Antes de tudo, vale contextualizar o período da estreia de A Costa do Mosquito. Naquela época, Harrison Ford já era uma estrela do cinema, devido a três filmes da franquia Star Wars e dois longas de Indiana Jones. Enquanto que Helen Mirren, apesar de duas décadas como atriz, ainda não era um nome arrasa-quarteirão.

Em entrevista à Variety, Mirren recordou esse cenário. “Quando trabalhamos juntos pela primeira vez, ele era uma grande estrela de cinema e eu era, tipo, ninguém”, contou a atriz. “Então, eu fiquei muito intimidada. Aprendi muito com ele porque não tinha feito muita coisa em Hollywood. Eu tinha muita experiência no teatro, mas não tinha feito muitos filmes. Eu o observei bastante e ele me ensinou muito sobre atuação, dicas que uso até hoje.”

Harrison Ford emendou dizendo que admirava a colega naquela época, “como atriz e pessoa. É um prazer poder atuar com ela novamente.”

A Casa do Mosquito (disponível para compra no YouTube) é adaptação do livro homônimo que também inspirou a série atual do Apple TV+, liderada por Justin Theroux. No filme, Ford interpretou Allie Fox, um brilhante inventor que, cansado da vida pasteurizada nos Estados Unidos, leva a família para morar no meio da floresta bem na América Central. Helen viveu Margot, mulher de Allie.

Harrison Ford com Helen Mirren em cena da série 1923
Harrison Ford com Helen Mirren em cena da série 1923

Em 1923, os dois formam um par romântico da terceira idade: Ford é Jacob Dutton, Helen é Cara. Ambos estão dentro da genealogia do clã dono do rancho Yellowstone, linha que chega até John Dutton 3º, o personagem de Kevin Costner em Yellowstone.

Durante participação no talk show do Stephen Colbert, Harrison Ford revelou que o grande empurrão que o convenceu a fazer 1923 foi saber que Helen Mirren estava atrelada ao projeto, e que ambos irão contracenar.

Fato é que a química entre os dois funciona na medida em 1923, os colocando como nomes a serem acompanhados de perto no Emmy deste ano. Tanto Ford quanto Helen são apostas interessantes de serem feitas. Porém, vão ter concorrência forte porque vão disputar nas categorias de melhor ator e melhor atriz de drama, respectivamente, nas quais as corridas rumo à estatueta são sempre acirradas e competitivas, deixando muita gente boa de fora.

1923 é atração do streaming Paramount+; novos episódios são lançados aos domingos.


Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias.

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!