NO RANCHO FUNDO...

Netflix cria a própria Yellowstone (com pitadas de Virgin River)

Conheça Ranson Canyon, próxima aposta silenciosa da gigante do streaming
DIVULGAÇÃO/PARAMOUNT
O ator Kevin Costner em cena de Yellowstone
O ator Kevin Costner em cena de Yellowstone

Agora é a Netflix que busca pegar carona em Yellowstone, a série líder de audiência de toda a TV americana na temporada 2021-2022. Diversos estúdios e produtoras em Hollywood buscam projetos ambientados na zona rural, trazendo para tela o clima agropecuário. Vai ser o caso de Ransom Canyon, atração que está saindo do papel na gigante do streaming.

Jinny Howe, diretora de desenvolvimento de dramas da Netflix, explicou o que é Ransom Canyon em entrevista ao site Deadline. “É um faroeste contemporâneo”, simplificou a executiva. “Há aquele clima de romance agradável. A trama fala sobre uma família multigeracional que mora em um rancho. Nós dizemos que é uma mistura de Virgin River com Yellowstone.”

“Todo aquele romance [de Virgin River] estará lá”, continuou Jinny. “E os cenários são maravilhosos, escapistas [tipo Yellowstone]. A série ainda está nos primeiros passos de desenvolvimento, mas estamos muito empolgados com o potencial [da trama]; ela é muito promissora”. Ransom Canyon é baseada em uma coleção de livros best-sellers escritos por Jodi Thomas.

Elenco da série Monarch
Elenco da série Monarch

Nova Yellowstone

Com Ransom Canyon, a Netflix visa pegar a onda de Yellowstone enquanto aproveita o embalo de Virgin River, hit inconteste na plataforma, com a possibilidade de ter múltiplas temporadas pela frente (a quarta acabou de ser encerrada; a quinta está confirmada).

A rede Fox vem com uma aposta forte para ser a primeira a cravar com firmeza a nova Yellowstone. Mês que vem estreia Monarch, com Susan Sarandon, um drama familiar focado na música country e mergulhado no mundo caubói.

O Hallmark Channel, canal de Quando Chama o Coração, entrou nesse jogo também. Ride promete entregar aventuras no universo dos rodeios, sem esquecer das boas e velhas intrigas entre parentes e uma fazendo povoada de cavalos.

Até que a rede NBC tentou morder um pedaço desse bolo, mas fracassou. A emissora do pavão encomendou o piloto (primeiro episódio) de Unbroken, cujo protagonismo seria de Scott Bakula (NCIS) e apresentaria um duelo entre famílias rivais donas de ranchos e adversárias em torneios de rodeios. O piloto foi reprovado e descartado.

Claro que o grupo Paramount, dono de Yellowstone, não ficaria de braços cruzados. Um prelúdio da série já foi ao ar, batizado de 1883. E, por enquanto, outras três séries derivadas estão em produção.

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!