O ÚLTIMO MESTRE DO AR

Audiência de estreia da série Avatar é 15% maior do que One Piece

Atração baseada em desenho animado da Nickelodeon começou bem no ibope
DIVULGAÇÃO/NETFLIX
Gordon Cormier em Avatar: O Último Mestre do Ar
Gordon Cormier em Avatar: O Último Mestre do Ar

Nos primeiros quatro dias de disponibilidade na Netflix, entre 22 e 25 de fevereiro, a série Avatar: O Último Mestre do Ar registou 21,1 milhões de visualizações em todo o mundo. É uma performance 15% melhor do que One Piece, outro live-action bastante aguardado e que gera uma comparação bastante justa; foram 18,5 milhões de visualizações nos quatro primeiros dias na plataforma do tudum, de 31 de agosto a 3 de setembro.

Tanto Avatar quanto One Piece entraram na Netflix com oito episódios cada. A série do pirata aventureiro, baseada em um mangá, tem uma primeira leva com 7 horas e 34 minutos de duração. Já o drama do garoto superpoderoso, inspirado em desenho animado, tem duração de 7 horas e 15 minutos.

Vale acompanhar de perto a performance de Avatar nesse ranking semanal da Netflix. One Piece ficou três semanas seguidas como o programa mais visto, de língua inglesa, mesma posição de Avatar na semana passada, de 19 a 25 de fevereiro. One Piece só deixou o top 10 no final de outubro, após oito semanas entre as séries mais assistidas mundialmente.

A renovação de One Piece para a segunda temporada veio antes disso, em 14 de setembro, duas semanas depois do lançamento.

Logo na estreia, Avatar bateu a minissérie Um Dia, líder na lista anterior, atingindo o top 10 em 92 países. Foram 153 milhões de horas assistidas no mundo inteiro.

O live-action Avatar: O Último Mestre do Ar acompanha Aang (Gordon Cormier), um jovem Avatar que precisa aprender a dominar os quatro elementos (água, terra, fogo e ar) para restaurar o equilíbrio em um mundo ameaçado pela terrível Nação do Fogo. É uma das séries mais caras da história da Netflix, custando mais de meio bilhão de reais (US$ 120 milhões).


Siga o Diário de Séries no WhatsApp

Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!