LIVE-ACTION

One Piece: saiba quantos capítulos do mangá foram adaptados na 1ª temporada

Ainda ativo, mangá homônimo foi publicado pela primeira vez em 1997
DIVULGAÇÃO/NETFLIX
Mackenyu Arata em imagem dos bastidores de One Piece
Mackenyu Arata em imagem dos bastidores de One Piece

Lançada na última quinta-feira (31) na Netflix, a série One Piece é baseada no mangá homônimo cuja primeira edição foi publicada em 1997; e ainda está ativo. No total, são mais de 1.070 capítulos, em 106 volumes, da saga de Monkey D. Luffy, garoto que deseja ser o rei dos piratas. A missão de fazer a adaptação live-action foi árdua, com o propósito de condensar ao máximo tanto conteúdo.

A série da Netflix tem oito episódios, na primeira temporada. A história encenou nada menos do que 95 capítulos do mangá (11 volumes); e 68 episódios do anime. Pela perspectiva do mangá, isso não dá nem 10% (8,7%) de toda a narrativa.

Um dos criadores e showrunner de One Piece: A Série, Steven Maeda usou esses quase cem capítulos de mangá para criar uma história única, com suas próprias reviravoltas e elementos dramáticos. Ele teve autorização para antecipar um evento importante da trama, que na história em quadrinhos acontece bem mais para frente.

[Atenção: spoilers a seguir]
O grande diferencial da série da Netflix e do mangá de One Piece é a revelação antecipada sobre o parentesco de Garp (Vincent Regan), vice-almirante da Marinha, com Monkey D. Luffy (Iñaki Godoy): ele é avô do garoto.

“Obviamente, Garp não está nos primeiros cem capítulos de forma relevante”, disse Maeda, ao site Variety. Na Netflix, o almirante lidera uma caça ao grupo de Monkey durante toda a temporada inicial.

“Essa foi uma das decisões que tomei no início”, revelou o showrunner, “de querer ter um antagonista fazendo uma perseguição. E Garp parecia se adequar muito bem à ideia de perseguidores caçando Luffy e companhia. Foi uma mudança que fizemos para manter a jornada eletrizante e dar aquela sensação de haver muita coisa em jogo.”

“E, claro, com Garp, a grande revelação no meio da temporada é ser… Avô!”, continuou Maeda. “No mangá, Garp só é revelado lá pelo capítulo 300. E de uma forma bem diferente.”

Essa alteração na narrativa recebeu a benção de Eiichiro Oda, o criador do mangá One Piece.

Leia no Diário de Séries: Vai ter 2ª temporada de One Piece? Saiba mais sobre o futuro do live-action

A trama de One Piece

Baseada na saga de mangá mais vendida na história do Japão, escrita por Eiichiro Oda, One Piece: A Série é uma aventura em alto-mar como você nunca viu. 

Monkey D. Luffy é um jovem que sempre sonhou com uma vida de liberdade. Ele sai do vilarejo onde vive para uma jornada perigosa em busca do lendário tesouro One Piece. 

Mas para chegar até ele e virar o rei dos piratas, Luffy vai ter que reunir a tripulação com a qual sempre sonhou e encontrar um navio para esquadrinhar cada centímetro de mar azul, sempre superando a Marinha e outros rivais perigosos.


Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!