IBOPE

The Chosen no SBT não faz milagre; série religiosa amarga audiência infernal

Série sobre a vida de Jesus Cristo teve a 1ª temporada exibida na TV aberta brasileira
DIVULGAÇÃO
Pôster da série The Chosen
Pôster da série The Chosen

O SBT encerrou, na última sexta-feira (22), a exibição da primeira temporada de The Chosen, drama sobre a vida de Jesus Cristo que é fenômeno de audiência no mundo todo. Porém, na emissora de Silvio Santos a série não fez milagre, que seria ao menos aliviar a crise histórica de audiência vivida naqueles lados de Osasco durante os últimos meses. Além de nem sequer ameaçar a rival Record, os números da atração não foram animadores.

No ar de segunda a sexta, a partir das 22h30, The Chosen registrou a média de 3,2 pontos de audiência na Grande São Paulo, de acordo com dados da Kantar Ibope Media. Fora quase sempre ficar na lanterna do horário nobre da emissora, a atração americana chegou a ser apenas o oitavo programa mais visto de todo o SBT; isso ocorreu na terça (19), perdendo até para reprise de novela mexicana (Abismo da Paixão) exibida à tarde.

Com o subtítulo de Os Escolhidos, The Chosen tem uma base forte de fãs no Brasil, capaz de encher salas de cinema. Mas isso não resultou em números positivos na TV aberta, levando em conta que a série vai bem em streamings de terceiros, como Netflix e Globoplay, e no site/app próprio, onde todos os episódios estão disponíveis de graça.

Atualmente, The Chosen está para ganhar a quarta temporada; as três anteriores podem ser vistas na Netflix ou no site/app do drama religioso. O SBT pretende exibir todas as levas de episódios de The Chosen. Talvez, para alcançar um melhor resultado no ibope, seja necessário pensar em uma estratégia de transmissão diferente do que a aplicada com a temporada de estreia.

A ideia central de The Chosen é não ser só mais uma história sobre Jesus Cristo, temática explorada ao máximo pela indústria do entretenimento mundial. A narrativa tem como base o ministério e vida do Messias, mas com seus passos observados pela ótica de seus seguidores; é mostrado também como era a vida deles antes e depois de conhecê-Lo.

A criação é de Dallas Jenkins, conhecido por fazer diversas produções bíblicas. Jesus é interpretado por Jonathan Roumie, ator americano, de Nova York, que acumula diversas participações em séries no seu currículo, tipo Chicago Med, Ballers, The Good Wife, NCIS, entre outras.


Siga o Diário de Séries no WhatsApp

Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!