CANELADA

Fala de diretor de Ted Lasso só piora confusão sobre futuro da série

Duas vezes vencedora do Emmy de melhor comédia, atração está com destino indefinido
DIVULGAÇÃO/APPLE TV+
O diretor Declan Lowney nos bastidores de Ted Lasso
O diretor Declan Lowney nos bastidores de Ted Lasso

Prestes a completar quatro anos no mercado, cuja trajetória é bastante positiva, o Apple TV+ comete falha grave com Ted Lasso por causa de confusão acerca do fim da série ou não. Sem controle, o streaming da maçã permite que todo mundo que trabalhou na comédia palpite sobre o futuro da trama, pois não há uma definição oficial. O diretor Declan Lowney engrossa o problema com um pitaco que pode até deixar os fãs esperançosos.

Também produtor de Ted Lasso, Declan Lowney dirigiu o final da terceira temporada. Ele foi indicado ao Emmy duas vezes pela comédia, na qual dirigiu um total de oito episódios. Em entrevista ao site The Hollywood Reporter, o cineasta irlandês falou que a série terminou… só que não.

Todo mundo sabia que aquele era o final [da série]”, revelou Lowney, ao ser perguntado sobre o final de temporada. “Mas foi o final por ora”. Ele justificou esse comentário reforçando: “Vai passar dois ou três anos até alguma coisa acontecer de novo, se acontecer. Por isso, tentamos amarrar todas as histórias da forma mais apropriada possível.”

O diretor conseguiu colocar os pés nos dois lados do rebuliço. Disse que a série terminou, mas pode continuar daqui a “dois ou três anos”. Por sua vez, Jason Sudeikis (protagonista, cocriador e produtor), afirmou antes mesmo da estreia da terceira temporada: “A ideia é encerrar a história. Foi com esse pensamento que escrevemos os episódios.”

Ao mesmo tempo, Brendan Hunt, ator e um dos produtores, disparou: “[A terceira temporada] Não é necessariamente o fim da série. É só o fim desta história.”

Até a presidente e CEO da Warner Bros. Television, Channing Dungey, entrou na conversa (a Warner é a produtora de Ted Lasso): “A visão que Jason e Bill [Lawrence, cocriador] tiveram, quando começaram tudo lá na primeira temporada, era construir uma estrutura de três atos.”

A visão da executiva é bem válida por ser ela, no fim do dia, quem paga as contas. “Temos aí uma daquelas coisas situações que, conforme você avança, e se você se apaixona por aquele mundo e aqueles personagens, é difícil dizer adeus.”

“Se isso [terceira temporada] for o fim do universo de Ted Lasso, acho que os fãs ficarão muito felizes”, continuou. “Mas também há uma maneira de abrir uma porta. Se tivermos a sorte e oportunidade de fazer mais, podemos continuar.”

Toda esse desencontro de informações, de certa maneira, prejudica Ted Lasso. A terceira temporada chegou ao fim em maio e, até agora, nada foi definido sobre o futuro, se vai ter continuação, spin-off… ou realmente foi o fim. A Apple deveria ter administrado isso muito melhor, afinal está em jogo a série duas vezes vencedora do Emmy de melhor comédia.


Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!