REINVENTAR

Com doença rara, Christina Applegate resolve dar um tempo na atuação

Desde 2021, a atriz vencedora de Emmy lida com esclerose múltipla
DIVULGAÇÃO/NETFLIX
Christina Applegate na 3ª temporada de Disque Amiga Para Matar
Christina Applegate na 3ª temporada de Disque Amiga Para Matar

Diagnosticada em 2021 com esclerose múltipla, doença rara e sem cura que compromete a função do sistema nervoso, Christina Applegate resolveu dar um tempo na atuação, conforme revelou ao jornal Los Angeles Times. Ela estava gravando a terceira e última temporada de Disque Amiga Para Matar (Netflix) quando recebeu a notícia sobre seu estado de saúde. Christina conseguiu terminar o trabalho na comédia e recebeu indicações a prêmios por isso. Provavelmente foi a última atuação da atriz como protagonista ou coadjuvante.

“Agora, eu não consigo imaginar ter de acordar às 5 da manhã e passar 12, 14 horas em um set”, confessou Christina. “Eu não tenho esse pique dentro de mim neste momento.”

Na entrevista, a atriz de 51 anos revelou que terminar Disque Amiga Para Matar foi o trabalho mais difícil de toda a carreira

Houve um cuidado extra com Christina Applegate. Ela demonstrava bastante fraqueza, sem conseguir andar direito ou até mesmo ficar em pé. Sofria com vertigens e dificuldades na visão. A atriz descobriu, junto com os produtores, as limitações do próprio corpo, do que podia ou não fazer. E tudo foi se adaptando.

Uma cadeira de rodas ajudava na locomoção. Christina tinha tanta dificuldade de ficar em pé por um longo período que um assistente da produção segurava as pernas dela enquanto cenas eram gravadas. 

Momentos com a personagem dela, a corretora de imóveis Jen Harding, andando foram reduzidos ao máximo. Sempre que possível, Christina aparecia em cena perto de alguém ou algo (como uma porta) para se apoiar.

Para o Los Angeles Times, ela afirmou que o SAG Awards, premiação do sindicato dos atores, deve ser a última premiação dela como atriz; está indicada como melhor atriz de comédia. Embora exista uma grande chance de concorrer ao Emmy, em setembro.

A ideia de Christina é mudar o foco da carreira, empenhando o conhecimento que tem para virar uma produtora-executiva em Hollywood, se dedicando também ao processo criativo. “E fazer uma porrada de dublagens para ganhar um dinheiro e garantir que minha filha seja alimentada em tenha um lar”, comentou.

Em novembro do ano passado, ele recebeu uma estrela na Calçada da Fama, em Los Angeles. A primeira aparição na TV de Christina Applegate foi como um bebê, aos três meses de idade, na novela Days of Our Lives. Em 1981, aos dez anos, começou a atuação para valer, tanto em filmes quanto em séries.

O ponto da virada foi seis anos depois, quando entrou para o elenco fixo da sitcom Married… with Children, na pele da adolescente Kelly Bundy. A atriz virou uma estrela mirim famosa. Entre outros tantos papéis ao longo do tempo, um dos mais marcantes foi em Friends, interpretando Amy Green, uma das irmãs de Rachel (Jennifer Aniston); Christina ganhou um Emmy por esse papel.


Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias.

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!