DRAMA TEEN

Netflix lança 7ª e última temporada de Riverdale; saiba o que vem por aí

Série conclui sua jornada com trama ambientada nos anos 1950
DIVULGAÇÃO/THE CW
KJ Apa na 7ª temporada de Riverdale
KJ Apa na 7ª temporada de Riverdale

A Netflix lança, na sexta-feira (29), a sétima e última temporada de Riverdale. O drama teen que estreou em 2017 já foi um dos grandes sucessos da TV, mas perdeu o gás com o passar do tempo. Entretanto, sempre gera boa audiência quando passa a ficar disponível na gigante do streaming. Essa temporada final da série já foi exibida no Brasil pela Warner Channel, que transmitiu os episódios simultaneamente com os Estados Unidos.

Pode acreditar: a sétima temporada de Riverdale vai onde ela nunca esteve. A trama é ambientada na década de 1950, com Jughead (Cole Sprouse) preso e sem ter ideia de como foi parar ali, muito menos sobre como retornar ao presente.

Seus amigos não ajudam em nada, pois eles não sabem que estiveram em qualquer outro lugar que não década de 50. 

Archie (KJ Apa) é o adolescente americano tradicional; Betty (Lili Reinhart) está começando a questionar tudo sobre sua vida perfeita, incluindo a mãe controladora; Veronica (Camila Mendes) é uma misteriosa estrela de Hollywood; Cheryl Blossom (Madelaine Petsch) é a Abelha Rainha; Toni Topaz (Vanessa Morgan) é uma ativista; Kevin Keller (Casey Cott) é um cantor que luta com sua identidade sexual; Reggie Mantle (Charles Melton) é uma estrela do basquete; e Fangs Fogarty (Drew Ray Tanner) está destinado a ser uma estrela do tipo Elvis. 

Só quando Jughead é visitado por Tabitha Tate (Erinn Westbrook), o anjo da guarda de Riverdale, é que ele descobre a verdade sobre a situação deles. Jughead e sua turma ficarão presos na década de 1950 para sempre? E se sim, isso é uma coisa ruim?

Baseada nos quadrinhos de Archie, Riverdale chegou em 2017 como uma série teen bem convencional, liderada por versões modernizadas dos personagens da famosa HQ, cuja origem é dos anos 1940. O drama televisivo, porém, começou a mostrar sua identidade incomum ao abordar reviravoltas cabeludas sobre assassinatos, conspiração criminal e traições mirabolantes em relacionamentos.

Acontece que com o passar do tempo, Riverdale provou ser uma produção ousada, sem medo de mudar e experimentar de tudo. A primeira temporada teve aquele clima de investigação criminal temperada com romances típicos de narrativas voltadas ao público jovem adulto. Mas depois disso…

A série entrou em terrenos estranhos e malucos. Coloque no caldeirão a máfia, seitas, vários serial killers, reviravoltas mortais, musicais, drogas com nomes extravagantes, bunker sexy… É como se na sala de roteiro não existisse ideia ruim ou absurda.

A sétima temporada de Riverdale é composta de 20 episódios. No total, a série tem 137 episódios.


Siga o Diário de Séries no WhatsApp

Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!