PERDA SENTIDA

No elenco de 3 séries ao mesmo tempo, Karen Pittman deixa And Just Like That

Revival de Sex and the City perde em diversidade com nova baixa
DIVULGAÇÃO/MAX
Karen Pittman na 2ª temporada de And Just Like That
Karen Pittman na 2ª temporada de And Just Like That

Por não ter o poder da onipresença, Karen Pittman deixou And Just Like That… (Max) após duas temporadas. A decisão de retirar a atriz do revival de Sex and the City foi por conflito de agendas. Ela estava presente no elenco de três séries ao mesmo tempo e não foi encontrado um esquema para que pudesse atuar em todas. A comédia acabou sendo a preterida.

Devido aos seus compromissos com duas outras séries, tornou-se evidente que não é possível gravar três atrações ao mesmo tempo”, disse porta-voz da Max, em nota enviada à imprensa. As tais séries em questão são The Morning Show (Apple TV+) e Forever (drama da Netflix a ser lançado).

“Estamos desapontados em anunciar que os conflitos de agendamento não permitem que continuemos com Karen na terceira temporada de And Just Like That…”, continuou o comunicado. “Sentiremos falta de Karen e Nya [sua personagem]. Todos da Max e os fãs da série sentirão sua falta e irão torcer pelo seu sucesso nos seus outros trabalhos.”

Karen Pittman apareceu na estreia de And Just Like That… e encerrou sua jornada após atuação em 17 episódios. Ela entrou como apoio das personagens principais, mas depois foi promovida para o elenco regular. A personagem dela, a professora Nya Wallace, tem conexão com Miranda Robbins (Cynthia Nixon), sua aluna. 

Nya serviu como a peça que ajudou o universo Sex and the City a se posicionar na segunda década do século 21, uma sociedade bem diferente do final dos anos 1990, quando a comédia mãe foi lançada. Miranda representou a velha guarda que tenta, de forma louvável, se adaptar na dinâmica social atual, mais politizada, consciente e progressista.

Karen Pittman é mais uma baixa no elenco da terceira temporada de And Just Like That…; Sara Ramirez também deixou a série, que perde em diversidade com essas saídas.

Em The Morning Show, Karen interpreta Mia Jordan, produtora do programa que dá nome à série, personagem de suma importância para a trama. Já na futura Forever, ela foi escalada como protagonista na pele de uma executiva especializada em finanças corporativas.


Siga o Diário de Séries no WhatsApp

Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!