ENSINAMENTOS

No aniversário de 3%, Gil do Vigor revela que aplicou lições da série no BBB

O Processo da trama nacional da Netflix ajudou o economista no processo do reality show
REPRODUÇÃO/DIVULGAÇÃO
Gil do Vigor em Nova York; Bianca Comparato em 3%
Gil do Vigor em Nova York; Bianca Comparato em 3%

Neste 25 de novembro de 2022, a série nacional 3% comemora seis anos da estreia na Netflix. No Twitter, a gigante do streaming registrou o aniversário. E Gil do Vigor revelou que não é apenas um fã do drama nacional de ficção científica, mas que usou ensinamentos da narrativa durante o processo seletivo da 21ª edição do Big Brother Brasil, de 2021.

Com oito fotos de diversos momentos de 3%, o registro da Netflix foi simples e direto: “A primeira a gente nunca esquece. Há 6 anos estreava 3%, a minha primeira série brasileira”. Entre os mais de 200 comentários (até a publicação deste texto) estava o de Gilberto Nogueira, mais conhecido como Gil do Vigor, economista e influenciador digital.

“E eu choro até hoje quando assisto!”, confessou. “3% não é nem foi apenas uma série, mas um grito que nos leva à reflexão sobre nossa realidade. E preciso falar, várias lições de 3% eu utilizei durante o MEU PROCESSO (para o BBB).”

Embora não tenha vencido a edição do ano passado do Big Brother Brasil, é possível argumentar que Gil seja o participante mais popular daquele programa. Pernambucano natural da cidade de Paulista (Região Metropolitana do Recife), ele é uma figura onipresente no mundo das celebridades brasileiras.

Primeiro sucesso internacional da Netflix entre as atrações de língua não inglesa, 3% teve quatro temporadas, entre 2016 e 2020. O tema central do enredo era um Brasil apocalíptico, com todo o território devastado, ambiente de muita miséria e sujeira.

Jovens com 20 anos tinham uma oportunidade única. Eles recebiam a chance de passar por uma espécie de vestibular, chamado de Processo, para deixar o Continente (parte pobre) e viver no Maralto (parte rica), ilha privilegiada na qual nada faltava e a fartura imperava. Somente 3% dos inscritos no Processo ganhavam o direito de mudar de lado (e de vida). 

O Processo consistia de vários tipos de provas rigorosas, físicas, morais e psicológicas, testando os jovens por completo, seja pela individualidade ou pelo senso de trabalho em equipe. É desse Processo que Gil se referiu no comentário acerca de 3%.

Veja as postagens da Netflix e de Gil do Vigor sobre 3%:

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!