TOO MUCH

Netflix encomenda comédia romântica criada por Lena Dunham (ex-HBO)

Série é o primeiro projeto televisivo assinado pela showrunner desde Camping (2018)
REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Luis Felber e Lena Dunham (à frente), Will Sharpe e Megan Stalter nos bastidores de Too Much
Luis Felber e Lena Dunham (à frente), Will Sharpe e Megan Stalter nos bastidores de Too Much

A Netflix deu sinal verde para a série Too Much, comédia romântica criada por Lena Dunham, showrunner e atriz famosa por atrações da HBO, como a cultuada Girls e Camping, este seu último trabalho no canal premium. Ela desenvolveu a nova atração ao lado do marido, o músico Luis Felber. O protagonismo de Too Much é da dupla Megan Stalter (Hacks) e Will Sharpe (The White Lotus).

Too Much acompanha Jessica (Megan), workaholic nova-iorquina de 30 e poucos anos que se recupera de um relacionamento, do qual pensou que duraria para sempre, enquanto se isola das pessoas ao seu redor. Cansada de Nova York (EUA), e com o seu mau comportamento virando assunto nas rodas de fofocas, ela arranja um emprego em Londres (Inglaterra) e cruza o Atlântico.

Em território britânico, Jessica planeja uma vida de solidão. Tudo mudo quando ela conhece Felix (Sharpe) e descobre que a conexão incomum brotada ali é impossível de ignorar, mesmo que mais problemas sejam criados do que resolvidos. 

Então, eles precisam se perguntar: os americanos e os britânicos falam realmente a mesma língua? Too Much chega para tentar resolver o mistério sobre se ainda é possível encontrar um amor verdadeiro.

Lena Dunham comemorou a aquisição feita pela Netflix. “A Netflix tem apoiado profundamente a nossa visão, que é criar uma comédia romântica que nos faça torcer pelo amor e que traga alegria, mas também aborde os limites irregulares da vida”, disse a showrunner, em nota.

Direção e roteiro têm a assinatura de Lena; a composição musical é de Felber. A encomenda foi de dez episódios.

Lena Dunham é mais conhecida pela série de comédia Girls, um dos maiores sucessos da HBO de todos os tempos. Na atração, ela interpretava a jovem Hannah Helene Horvath, uma aspirante a escritora. A série ganhou o Globo de Ouro de melhor comédia, em 2013, e Lena conquistou o prêmio de melhor direção em uma série de comédia no DGA, premiação do sindicato dos diretores, em 2013; primeira mulher a ganhar essa categoria.


Siga o Diário de Séries no WhatsApp

Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!