AMIZADE FEMININA

Como Amigas Para Sempre e My Brilliant Friend são iguais, mas diferentes

Entenda as semelhanças e distinções entre os dramas da Netflix e HBO
DIVULGAÇÃO/NETFLIX/HBO
Amigas Para Sempre, da Netflix (à esq.); e My Brilliant Friend, da HBO
Amigas Para Sempre, da Netflix (à esq.); e My Brilliant Friend, da HBO

No top 10 da Netflix desde a estreia da segunda temporada, no último dia 2, Amigas Para Sempre narra uma história muito parecida com My Brilliant Friend (A Amiga Genial), da HBO. Ambas contam aventuras intensas e emotivas de amizades entre duas mulheres que duram décadas e décadas. Há diferenças estruturais e de produção entre as duas, o que não faz necessariamente uma ser pior do que a outra. Ao seu jeito, cada uma atinge o objetivo proposto.

Enquanto Amigas Para Sempre aborda o elo entre Tully e Kate da adolescência até a maturidade, My Brilliant Friend entra na convivência de Lenu e Lila na tenra infância, concluindo a jornada na terceira idade. 

Amigas Para Sempre tem narrativa simples e novelesca na raiz, misturando três linhas do tempo ao longo dos episódios. Já My Brilliant Friend apresenta uma história linear, muito mais densa e politizada, socialmente relevante e sinônimo das belas-artes na TV.

Sarah Chalke com Katherine Heigl em Amigas Para Sempre
Sarah Chalke (à esq.) com Katherine Heigl em Amigas Para Sempre

A graça de Amigas Para Sempre

Com uma dupla protagonista conhecida, Katherine Heigl (Grey’s Anatomy) e Sarah Chalke (Scrubs), Amigas Para Sempre foca mais na vida adulta das personagens, Tully (Katherine) e Kate (Sarah), indo de vez em quando ao passado para estabelecer alguns parâmetros, lá na década de 1970, quando das duas se conheceram aos 14 anos.

A jornada segue explorando uma conexão improvável. Kate faz o papel da garota padrão e excluída por ser “esquisita”, boca virgem, enquanto Tully tem uma postura mais destemida, característica que precisou criar por viver em um lar disfuncional.

Aquelas idas e vindas naturais de uma amizade fazem parte da relação entre as duas. Porém, 30 anos após se conhecerem, elas romperam o elo. Enquanto explica o que rolou, se foi algo grave ou bobagem, a série explora a união fazendo uso de clichês, como romances, solteirice, brigas na família, tensão no trabalho…

Amigas Para Sempre opta acertadamente por soluções com tom de novela, narrativas e didáticas, tornando a experiência de acompanhar a trama mais agradável e descompromissada.

Gaia Girace (de amarelo) e Margherita Mazzucco em My Brilliant Friend
Gaia Girace (de amarelo) e Margherita Mazzucco em My Brilliant Friend

My Brilliant Friend, as belas-artes na TV

A pegada de My Brilliant Friend é outra, totalmente oposta a de Amigas Para Sempre. A produção italiana da HBO é uma das obras mais primorosas da TV deste século, adaptação visceral e precisa da obra homônima escrita por Elena Ferrante, best-seller internacional.

O primor pelos detalhes técnicos do drama está em cada frame. A começar por quem interpreta Lenu e Lila ao longo dos anos. Até agora, em três temporadas, foram três atrizes nas respectivas versões criança, adolescente e adulta das personagens. O processo de escalação foi absolutamente árduo para encontrar meninas e jovens que se parecessem uma com as outras. O resultado final é espetacular, digno de aplausos.

São vários os alicerces de My Brilliant Friend. Um deles é como uma das amigas, Lenu, se destaca ao longo da vida, saindo de um bairro pobre na cidade de Nápoles para ser uma autora famosa. Por outro lado, Lila cai no ciclo vicioso de dona de casa e operária braçal em uma fábrica. Quem narra a história é Lenu, que rotula Lila como a amiga genial, aquela que por vontade própria ou circunstâncias da vida não fez uso do próprio intelecto, que é acima da média.

A trama começa nos anos 1950 e mostra ao mundo o avanço da sociedade italiana ao longo das décadas; a mais recente temporada, a terceira, abordou os anos 1970. Ao mesmo tempo em que explora questões políticas das épocas, a produção imprime técnicas do cinema clássico da respectiva era, dando um ar nobre e diferente para My Brilliant Friend.

Prestes a chegar na quarta e última temporada, o drama italiano vai ganhar duas novas atrizes para interpretar Lenu e Lila na maturidade/velhice. É o término de uma das séries mais bem acabadas já feitas pela HBO, que para melhor entendimento precisa ser vista com toda a atenção, concentração que vale a pena.


Acompanhe o Diário de Séries no Google Notícias.

Siga nas redes

Fale conosco

Compartilhe sugestões de pauta, faça críticas e elogios, aponte erros… Enfim, sinta-se à vontade e fale diretamente com a redação do Diário de Séries. Mande um e-mail para:
contato@diariodeseries.com.br
magnifiercross
error: Conteúdo protegido!